Rose Bueno
Ser e Estar Feliz quase Sempre.
Textos
Sou eu

Meu filho não tem nome de santo.
Não amo as pessoas como se não houvesse amanhã.
Sou pecadora, sou errada, sou errante.
Nessa terra de gigantes sou anã...
Nesta floresta Amazônica, sou um galho que o vento derrubou.
Nesse galho, tinha uma única semente, que germinou e floriu e aflora em todas as primaveras.
Sou gigante nessa terra órfã e anã ...
Hoje sou eu, amanhã já serei outra, e depois outra, mas sempre serei EU!
Rose Bueno
Enviado por Rose Bueno em 07/12/2019
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras